13 de set de 2010



No dia 6 de junho de 1944, D. Eisenhower, Comandante Supremo dos Aliados, era o homem mais poderoso na terra. Sob sua autoridade, o maior exército anfíbio jamais reunido preparava-se para libertar o continente europeu dominado pelos nazistas. Como é que Eisenhower foi capaz de liderar um exército tão grande? Parte da resposta pode estar em sua notável habilidade em lidar com diferentes tipos de pessoas.

Porém, muitos não sabem, que ele nem sempre se deu bem com outras pessoas. Quando menino, seguidamente brigava com outros na escola. Mas felizmente, ele tinha uma mãe que se preocupava e o instruiu nos ensinamentos da Palavra de Deus. Uma vez, quando fazia curativo em suas mãos após uma briga, ela citou Provérbios 16:32, “Melhor é o longânimo do que o herói da guerra, e o que domina seu espírito, do que o que toma uma cidade.” Anos mais tarde, Eisenhower escreveu: “Sempre lembrei daquela conversa como um dos momentos mais valiosos de minha vida.” Sem dúvida, ao aprender a controlar sua ira, Einsenhower foi capaz de entender-se bem com outros.

Inevitavelmente, cada um de nós será às vezes tentado a agir com raiva. Mas através da obra de Deus em nossas vidas podemos aprender a controlar nossa ira. O melhor modo de influenciar pessoas é através de um espírito tranquilo.

"Aquele que vence sua ira, vence um inimigo forte."

Carinho e amor

Fernanda P.A. Ferreira.

Fonte:http://ministeriosrbc.org/2010/09/13/o-problema-da-ira/

Nenhum comentário: