27 de fev de 2012

A MISSÃO DA COMUNIDADE




Segunda 27 de fevereiro de 2012.

“Para que todos sejam um, Pai, 
como tu estás em mim e eu em ti.”
Jo 17.21

Comunidade significa unidade com. Por nos tornarmos cada vez mais individualistas e independentes, passamos a conviver com a unidade (sem o “com”). Vivemos numa sociedade em que não faz mais sentido falar em comunidade. Estamos meditando sobre a oração sacerdotal de Jesus. Nela, o Mestre nos ensina que devemos viver em unidade porque já existe nele. Ou seja, Pai, Filho e Espírito Santo são um e essa é a mais estupenda declaração de unidade que se conhece. Nesse sentido não se cria unidade. Ela já existe. Vive-se a unidade entre os cristãos. Esse é um dos pontos mais críticos enfrentados pela cristandade.

Afirmamos ter uma só fé, um só batismo, um só Senhor, um só Deus e Pai de todos (Ef 4.5), mas isso parece ser retórica. Pessoas olham e nos veem divididos, sozinhos. A missão da comunidade, de se viver juntos em unidade, se alcança somente através do amor que é derramado em nossos corações pelo Espírito. (Rm 5.5). E para que vivemos em comunidade? “Para que o mundo creia que tu me enviaste.” (Jo 17.21). Poderia existir uma mensagem mais poderosa do evangelho do que ver os cristãos vivendo em unidade?

ORE


Coloco-me ó Pai, diante da tua presença, para rogar tua misericórdia. Ensina-me a viver a unidade de forma real, como vives com o Filho e o Espírito Santo. Amém.

Nenhum comentário: