19 de jun de 2015

Jogar com dor...

A verdade consoladora por trás da afirmação de Carter vem do livro de Lamentações. Podemos enfrentar tristeza, dor e dificuldade, mas não temos que afundar em autopiedade. O mesmo Deus que permite nosso sofrimento também nos rega com Sua compaixão (Lamentações 3:32). Com o amor de Deus nos erguendo, podemos — se for necessário — “jogar com dor”.




Nenhum comentário: