15 de dez de 2009

Cristo em mim...





Cristo em mim - - - - --
por Max Lucado

Como Maria, você e eu somos habitado por Cristo.

Acho difícil de acreditar? Quanto mais não Maria? Ninguém ficou mais surpreso por este milagre que ela. E ninguém mais passiva do que ela. Deus fez tudo. Maria não se voluntariar para ajudar. O que ela tem a oferecer? Ela não ofereceu nenhuma ajuda.

E ela não ofereceu nenhuma resistência. Em vez disso, ela disse: "Eis que a bond-escrava do Senhor, faça-se em mim segundo a tua palavra" (Lucas 1:38).

Ao contrário de Maria, que tendem a apoiar a Deus, assumindo a nossa parte é tão importante quanto o seu. Ou podemos resistir, pensando que são muito ruins ou muito ocupado. No entanto, quando ajudamos ou resistir, perdemos grande graça de Deus. Nós perder a razão por que foram colocados na terra para ser tão grávida do filho do céu que ele vive através de nós. Para ser tão cheia dele que podemos dizer com Paulo: "Já não sou eu que vivo, mas Cristo vive em mim". (Gl 2:20)

O que seria isso? Para se ter uma criança dentro é um milagre, mas para ter Cristo dentro?

Para ter a minha voz, mas ele fala.
Meus passos, mas Cristo líder.
Meu coração, mas o seu amor batendo
em mim, por mim, comigo.
Que é como ter Cristo no interior?

Para explorar a sua força quando a minha expira
ou sentir a força dos incêndios do céu
raging, Acessos desejos errados.
Cristo poderia se tornar a minha auto inteira?

Tanto ele, tão pouco me
Que nos meus olhos que é ele que vê.
O que é que gostaria de ser uma Maria?
Já não sou eu, mas Cristo em mim.

fonte:

9 de dez de 2009

A Batalha é do Senhor

:A Batalha é do Senhor

O anjo do Senhor acampa-se ao redor dos que o temem [que o reverenciam e adoram com respeito] e os livra.

Salmos 34. 7

No Antigo Testamento, as pessoas carregaram estandartes quando foram guerrear, enviando cantores e músicos à sua frente para a batalha. Quando a tribo de Judá cantou “Dêem graças ao Senhor, porque ele é bom, e a sua misericórdia dura para sempre” (veja 2 Crônicas 20.21), os inimigos ficaram tão confuso que se mataram e se destruíram mutuamente (veja versículo 22).
Quando o rei Josafá preparou-se para a batalha, tomou posição ao se prostrar com o rosto em terra e adorar a Deus (veja versículo 18). Se você tem batalhas a enfrentar, coloque-se na posição de guerra e apenas adore ao Senhor. A resposta de Deus à nossa adoração é: “Não temas nem te desanime diante dessa grande multidão, pois a batalha não é sua, mas do Senhor” (versículo 15).


fonte: http://www.joycemeyer.com.br/jmbrasil/engine.php?pag=br_cont&br_sec=4&br_cat=7&br_cont=541